Logo mundo invest

Como fazer um planejamento financeiro

Voltar

por Bruno Destri Coelho

Criador de Conteúdo | Assessor de Investimentos

Planejamento
Investimentos
Setores

Como fazer um planejamento financeiro

O planejamento financeiro é um passo muito importante na vida de quem quer atingir a liberdade financeira. Mas o que é um planejamento financeiro? Em resumo, é a organização das finanças pessoais e o controle do seu dinheiro. De acordo com uma pesquisa feita pelo governo, mais de 50% da população brasileira não se dedica às próprias finanças.

Possuir uma organização pessoal é um passo imprescindível para qualquer interessado em investir com tranquilidade. 

Por que devo me planejar financeiramente?

Um dos principais motivos de possuir um planejamento financeiro é a dor de cabeça que você evita. Além disso, com a organização das suas finanças você pode cortar gastos desnecessários, conquistar objetivos mais rapidamente e visualizar de maneira mais clara para onde vai seu dinheiro.

Desse modo, seus investimentos podem ser potencializados, visto que muito provavelmente você conseguirá poupar ainda mais.

Passo a passo para montar seu planejamento financeiro

Para montar seu planejamento financeiro você deve:

  • Organizar seu orçamento
  • Definir metas e objetivos
  • Separar a renda
  • Classificar ativos e passivos
  • Cortar gastos
  • Poupar e investir

1. Organizar seu orçamento

O primeiro passo é de fato organizar seu orçamento, ou seja, colocar tudo no papel o que entra e o que sai. Trouxe um exemplo prático de um mapeamento simples das entradas e saídas de dinheiro:

como fazer um planejamento financeiro

Como você pode perceber, a lista de gastos é muito mais variada do que a de ganhos, mas fique tranquilo, isso é completamente normal. Agora você possui sua vida financeira de uma maneira muito mais clara, assim podemos ir para o próximo passo. 

2. Definir metas e objetivos

Com certeza você possui sonhos. Seja aquela viagem, comprar uma bela casa, um bom carro, reformar sua sala de estar, entre outros. Sabe o que todos esses exemplos têm em comum? Todos precisam de dinheiro para se tornarem realidade!

Essa é a hora que você coloca todos os seus sonhos no papel. Em um primeiro momento, não pense no que seria possível ou não, SONHE e escreva tudo. Em seguida, pondere quais são os sonhos que de fato fazem sentido para se tornarem objetivos. Recomendo que separe 3 objetivos, um para o curto prazo, outro para o médio e por fim um para longo prazo.

Uma ótima motivação para não perder o foco do seu planejamento é escrever seus objetivos em um lugar que você possa vê-los todos os dias, assim você sempre se lembrará do motivo pelo qual é importante seu planejamento.

3.Separar a renda 

Nós do Mundo Invest gostamos de ensinar aos nossos usuários uma maneira muito simples de separar a renda. O segredo é limitar sua renda mensal em porções. Cada uma para sua devida finalidade, sendo elas: gastos essenciais, futuro e lazer. Para separá-la utilizamos a regra de 50/30/20. (Existem outras regras, porém essa é a que mais nos identificamos)

Gostamos de utilizar a imagem de um famoso personagem que muito provavelmente você deve conhecer da série “Todo mundo odeia o Chris”.

Regra do Julius

Ao classificar sua renda você pode não chegar aos exatos valores para cobrir seus gastos. Falaremos mais para frente como você poderá tentar reduzir seus gastos para tentar ao máximo se aproximar destas porcentagens.

4. Classificar ativos e passivos

Essa é uma parte muito importante para entendermos de fato o que pode nos ajudar a ganhar mais renda ou o que acaba gastando-a. Existem dois termos muito importantes no mundo das finanças que todos deveriam conhecer: passivos e ativos.

Em resumo, os passivos são gastos, ou coisas que geram gastos. Já os ativos são geradores de renda, ou coisas que podem gerar renda. 

É interessante entender de uma maneira prática que um mesmo objeto ou coisa pode ser um passivo ou ativo, e o que definirá isso é você. Exemplificando, um imóvel que você utiliza para o uso pessoal(morar) é um passivo, pois você tem gastos mensais, manutenção, impostos, entre outros.

Contudo, se você alugar seu imóvel, ele torna-se um ativo! Assim, ele gera renda para você de alguma maneira.

Ao mapear seus ativos e passivos fica muito mais claro entender todo seu patrimônio. Nos ativos você deve colocar: imóveis, investimentos, títulos de renda fixa, bens de valor considerável. Em contrapartida os passivos devem ser: dívidas, contas a pagar, financiamentos, entre outros.

Trouxe um exemplo prático:

Como fazer um planejamento financeiro

5. Cortar gastos

Agora que você tem toda sua vida financeira visualmente anotada, fica muito mais fácil encontrar maneiras de cortar gastos. Essa é a hora que devemos nos perguntar se realmente é necessário gastar. Sabe aquela assinatura de televisão que você não assiste faz um mês? Ou aquele sapato caro que você só utilizou uma vez na vida e está acumulando poeira?

Essas situações podem ser evitadas se você sempre pensar duas vezes antes de gastar seu dinheiro. Gastar com consciência pode te ajudar a poupar seu dinheiro e assim o fará alcançar seus objetivos mais rápido.

6. Poupar e investir

Por fim, você agora pode se dedicar aos investimentos! Com uma parte da sua renda dedicada a poupar fica muito mais fácil alocar seus recursos em investimentos que podem potencializar renda e fazer com que seus sonhos tornem-se realidades.

Mas, sabemos que fazer uma carteira exige bastante tempo para encontrar ativos que façam sentido com seu perfil de investiodor e se adequam com seus objetivos e tolerância ao risco. Além disso, é preciso de conhecimento para não se meter em armadilhas, ou seja, investimentos ruins ou que não fazem sentido.

A solução para não perder tempo

Ao invés de você perder seu tempo para fazer todo esse processo no papel, você pode utilizar a plataforma do Mundo Invest! Nela você poderá mapear toda sua vida financeira através de nossa tecnologia. Além disso, você contará com a ajuda de profissionais do mercado financeiro para lhe auxiliar durante toda a jornada e também receber sua carteira ideal de investimentos. Vamos planejar sua vida financeira?

Conte comigo!

Bruno

Fale com o Bruno

Criador de Conteúdo | Assessor de Investimentos

Economista em formação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Hoje com 21 anos, Bruno é um dos criadores de conteúdo da equipe do Mundo Invest. Ele é responsável pela elaboração de posts para nosso Instagram, como também pela criação dos ebooks e blogs da nossa plataforma.

CNPJ 31.630.299/0001-91