Por que investir em Fundo Imobiliário é melhor do que comprar imóveis?

O que são Fundos de Investimentos Imobiliários?

De maneira geral, os FII, são grupos de investidores que têm como objetivo conseguir retorno pela exploração de locação, arrendamento, venda de imóvel e demais atividades.

Em sua maioria, os FII se resume a comprar um imóvel para receber a renda de aluguel e se aproveitar da valorização.

Como funciona?

A maneira de aplicar em fundos de Investimento Imobiliário é muito semelhante a compra de ações. Ou seja, por cotas.

É possível adquirir as cotas durante as ofertas públicas ou negociando com outros investidores num mercado secundário, algo que pode ser feito por plataformas de negociação nomeadas de “Home Brokers”.

Cada fundo é responsável por aplicar os recursos investidos em empreendimentos imobiliários estratégicos, como edifícios comerciais, shopping centers, entre outros.

Quanto ao processo de escolha do melhor fundo a se investir, as assessorias de investimento surgem como facilitadora da tomada de decisão, como é o caso da EWZ Capital, que a partir de uma pesquisa e entendimento de suas necessidades, apontará os melhores FII para se investir.

Quais são as vantagens?

Quando comparado à tradicional compra de imóveis para locação, investir nos Fundos Imobiliários mostra-se muito mais vantajoso em muitos aspectos. Vejamos quais:

  • Simplicidade

O investidor fica isento de qualquer obrigação legal e contratual, bem como de cuidados com imóveis, diferente da compra de imóveis, que é preciso se preocupar com certidões, escrituras, ITBI, imobiliárias e demais questões burocráticas.

  • Liquidez

Algumas cotas são negociadas em Bolsa, o que permite reduzir o risco de não se conseguir vender o ativo, algo inviável na venda direta de imóveis, que depende de diversas variáveis e complicações que impedem a catalisação desse processo.

  • Vacância e Inadimplência

O investidor de Fundos Imobiliários não fica exposto ao risco de vacância e inadimplência, visto que os FII normalmente investem em grandes empreendimentos, o que leva à diversificação de inquilinos e minimiza riscos de perda de rentabilidade.

  • Isenção de Imposto de Renda

Para o investidor (pessoa física), não há incidência de Imposto de Renda sobre o rendimento distribuído pelo fundo, o que garante um aumento do seu ROI (return of investment). Sem falar que ele também não precisa se preocupar com a depreciação, visto que a gestão ativa dos Fundos Imobiliários permite que o administrador venda empreendimentos que considera menos valorizados.

Porque investir?

Além das vantagens citadas anteriormente, um fator que permite compreender o ótimo momento para este tipo de investimento é a rentabilidade.

De acordo com o IFIX, índice que reflete a média de desempenho dos maiores e mais líquidos Fundos Imobiliários, verificou-se um desempenho médio bastante interessante nos últimos anos, mesmo com um período bastante adverso para o mercado imobiliário, tendo alguma folga com relação ao CDI e larga vantagem com relação a Ibovespa, como mostra o gráfico a seguir.

 

Assim, em um período de economia saudável – que é o que se projetará para os próximos anos – com uma vacância média controlada, será possível notar os Fundos Imobiliários entregando ótima rentabilidade no médio e longo prazo. Principalmente com o auxílio de uma assessoria responsável por facilitar as decisões de investimento.

[ninja_form id=5]

 

Compartilhe isso:
Tags:
Deixe um comentário